domingo, 6 de abril de 2014

Brincadeiras de roda e brincadeira com gestos - Quintal da Cultura - Fui morar numa casinha/ Ciranda, Cirandinha


Mais uma dica é as brincadeiras de roda com a musica ciranda cirandinha e atirei pau no gato  , e a brincadeira com gestos Fui morar numa casinha .Podemos trabalhar ritmo, movimentos corporais e  noção de espaço.

Fica a dica 

Musica O meu chapéu tem três pontas





Essa musica é muito boa para trabalhar a musicalização em sala de aula com as crianças, pois trabalha ritmo, sequencia  e gestos .

Fica a dica


sábado, 22 de março de 2014

Videos educativos (historias) para trabalhar o Dia da Água

Boa tarde professoras 

Hoje estou postando algumas historias  referentes  a conscientização da água , para serem trabalhadas não só esse mês , por ter o dia da Água  (hoje 22/03) , mais sim todos os dias, temos que conversar com as nossas crianças sobre a água .  Explicando a sua importância, explicar que temos que economizar para que não falte água , que não se pode jogar lixo nos rios , pois se poluirmos os rios não teremos água limpa para beber , para tomar banho , fazer a comida, molhar as plantações entre outros. 
















Musicas para trabalhar o dia da água

Boa tarde professoras 

Hoje estou postando algumas musicas referentes a água , para serem trabalhadas não só esse mês , por ter o dia da Água  (hoje 22/03) , mais sim todos os dias, temos que conversar com as nossas crianças sobre a água .  Explicando a sua importância, explicar que temos que economizar para que não falte água , que não se pode jogar lixo nos rios , pois se poluirmos os rios não teremos água limpa para beber , para tomar banho , fazer a comida,  molhar as plantações entre outros. . 

















































domingo, 23 de fevereiro de 2014

Confira 10 animais em risco de extinção no Rio Grande do Sul - Foto 1


O tamanduá-mirim é um dos animais em situação 

vulnerável no Rio Grande do Sul






O gavião-de-penacho consta como criticamente em perigo


O gavião-de-penacho consta como criticamente em perigo:imagem 2




O gato-do-mato está em situação vulnerável. A espécie 

apresenta hábitos noturnos e solitários

O gato-do-mato está em situação vulnerável. A espécie apresenta hábitos noturnos e solitários:imagem 3




O papagaio-de-peito-roxo está sob risco muito alto de 

extinção, com população de menos de 2,5 mil indivíduos

 O papagaio-de-peito-roxo está sob risco muito alto de extinção, com população de menos de 2,5 mil indivíduos:imagem 4






Com alto risco de extinção, a jaguatirica habita florestas do 

norte e nordeste do Estado


Com alto risco de extinção, a jaguatirica habita florestas do norte e nordeste do Estado:imagem 5





Sapinho-de-barriga-vermelha está classificado como 

criticamente em perigo

Sapinho-de-barriga-vermelha está classificado como criticamente em perigo:imagem 6





Classificado como risco alto de extinção, o cardeal-amarelo 

tem população de apenas 20 indivíduos

Classificado como risco alto de extinção, o cardeal-amarelo tem população de apenas 20 indivíduos:imagem 7




A população do cervo-do-pantanal é de 20 a 30 indivíduos

A população do cervo-do-pantanal é de 20 a 30 indivíduos:imagem 8




O papagaio-de-peito-roxo localiza-se nas florestas com 

araucárias, no norte e no nordeste do Estado

O papagaio-de-peito-roxo localiza-se nas florestas com araucárias, no norte e no nordeste do Estado:imagem 9




Sob risco muito alto de extinção, o cateto conta com 

população inferior a 3,5 mil indivíduos

Sob risco muito alto de extinção, o cateto conta com população inferior a 3,5 mil indivíduos:imagem 10


Pesquisa feita no site:


quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

Rio Grande do Sul : Culinária e Cultura


Culinária

O Rio Grande do Sul traz em sua formação cultural, elementos que o distinguem do restante do país. A comida típica, o chimarrão, a lida campeira e a música que canta as belezas regionais, são alguns dos referenciais que destacam o estado no panorama do Brasil.

A cozinha típica tem como prato principal o churrasco (pedaços de carne cortados de modo especial, colocados em espetos e postos a assar em uma churrasqueira).
 A bebida típica é o chimarrão (chá de erva-mate quente e amargo sorvido por meio de uma bomba). Ovinho e o curtido de cachaça com butiá são outras das bebidas preferidas dos gaúchos.

Cultura 

A admiração ao campo, o trabalho, a prenda amada, o cavalo, as belas paisagens naturais e a saudade do pago, são alguns dos temas explorados em letras elaboradas e metafóricas. A melodia harmoniosa recebe tendências européias e embala com perfeição as composições criadas para exaltar o amor às coisas gaúchas.







Rio Grande do Sul : Musica e Dança

Musica

O grande destaque à música nativista deu-se durante os anos 80, quando surgiram inúmeros festivais no Rio Grande do Sul. O objetivo destes eventos era promover a música regionalista e cantar o orgulho que o povo gaúcho carrega de suas origens, sua história e suas tradições, ressaltando os sentimentos embalados em prosa e verso.
A descrição das coisas comuns, a vida no campo e os amores do homem rural, são temáticas que atraem mesmo aqueles que desconhecem profundamente este cotidiano e, por isso, ainda hoje, a música regionalista conquista adeptos, independente de serem ou não tradicionalistas.
O amor ao pago nasce no peito, mas é da garganta que sai o timbre que o canta e encanta os ouvidos e os corações, daqueles que sabem o valor de ter nascido gaúcho.

Fonte: Portal do MTG


Danças 

Chimarrita

Dança típica de Portugal, foi trazida por eles para o Brasil durante o século XIX. Inicialmente, a dança era realizada com os casais juntos dançando algo parecido com as valsas. Depois, as duplas passaram a dançar em várias direções e mais separados. Em algumas partes, eles dançam juntos no passo bem conhecido que é o dois pra lá e dois pra cá. A partir de alguns movimentos, o homem, chamado de 
peão, e a mulher, que recebe o nome de prenda, podem flexionar levemente os joelhos durante os passos.


Milonga


Essa dança também é popular na Argentina e no Uruguai. No Rio Grande do Sul, ela recebe a companhia da viola e de outros instrumentos musicais. A 
milonga gaúcha lembra os passos do tango e é bem mais lenta e romântica. Ela pode ser dançada de três formas: havaneirada (seguindo os passos da vaneira), tangueada (dança no ritmo de marcha) e riograndense (dança com passos dois e um.

Vaneirão/Vaneira/Vaneirinha


É um ritmo bastante comum no estado e tem suas origens na cidade de Havana, em Cuba. Sua influência incidiu não só sobre o Rio Grande do Sul como também nos sambas do 
Rio de Janeiro. O nome da dança se altera conforme o ritmo, pois se ele for lento recebe o nome de Vaneirinha, rápido, Vaneirão e moderado, Vaneira. Os passos são realizados com dois pra lá e dois pra cá, sendo que são alternados com quatro movimentos de cada lado.

Chula


Dança que é praticada só por homens e ela representa um desafio. Uma lança é colocada no chão e três homens em suas extremidades. Eles sapateiam de diversas formas e, após realizar uma sequência de passos, outro dançarino vai executar os movimentos e deve realizar de forma mais difícil que o anterior. Tudo isso acontece sob a música de uma 
gaita gaúcha. O dançarino que vence o desafio é aquele que realiza uma coreografia mais difícil que os companheiros, quando encosta na vara ou quando por algum motivo perde o ritmo.

Pezinho


O Pezinho tem origens portuguesas e conseguiu atrair adeptos no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina. Além de dançar, os dançarinos devem cantar no ritmo da música que acompanha os passos. A 
coreografia se altera entre passos ritmados pelos pés e as duplas que rodam em torno de si.

Outras danças típicas do Rio Grande do Sul


-Chote;
-Bugio;
-Mazurca;
-Contrapasso;
-Marcha;
-Polca;
-Chamamé;
-Rancheira.



O Tatu Sanfoneiro - Patati Patatá (DVD Na Cidade dos Sonhos)





Ai bota aqui, ai bota ali o seu pezinho


Era uma vez um Tatu Bola - Trabalhando os animais do Rio Grande do Sul e Rio Grande do Norte










































Retirado do 4 share.com



quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

Luva para cantar a musica A dona aranha - Trabalhando musicalização em sala de aula


Luva de Dona Aranha 

Materiais 

Luvas 
Guizos 
Cola quente 
Pedaço de papelão


Como confeccionar

Coloque o pedaço de papelão pequeno dentro da luva ( na palma) cole- o com cola quente, para confeccionar  os olhos .Depois por 2 guizos na palma da luva (os olhos ).
Por ultimo um guizo em cada dedo da luva ( as patas )













Dona Aranha



A Dona Aranha subiu pela parede 
Veio a chuva forte e a derrubou
Já passou a chuva
O sol já vai surgindo
E a dona aranha continua a subir

Ela é teimosa e desobediente
Sobe, sobe, sobe e nunca está contente.

A Dona Aranha desceu pela parede
Veio a chuva forte e a derrubou
Já passou a chuva
O sol já vai surgindo
E a dona aranha continua a descer

Ela é teimosa e desobediente
Desce, desce, desce e nunca está contente.

A Dona Aranha subiu pela parede 
Veio a chuva forte e a derrubou
Já passou a chuva
O sol já vai surgindo
E a dona aranha continua a subir

Ela é teimosa e desobediente
Sobe, sobe, sobe e nunca está contente.

Link: http://www.vagalume.com.br/galinha-pintadinha/dona-aranha.html#ixzz2qVUBmRoB


Essa ideia da luva com guizo foi minha( CAROLINE )